Aves

Algumas aves como pombos, gaivotas e pardais podem trazer incómodos e perigos à Saúde Pública.

Pombo (Columbídeos)
Os pombos comuns, cujo nome científico é Columba livia domestica, são aves mansas que se encontram em grande número nos centros urbanos, onde se adaptam muito bem, devido a muitos factores entre eles a facilidade de encontrar abrigo e alimento.O pombo vive cerca de 3 a 5 anos em ambientes urbanos, colocam cerca de 1 a 2 ovos por ninhada e podem ter cerca de 5 a 6 ninhadas por ano.Poucos sabem do perigo à Saúde Pública que estes animais representam, suas fezes podem conter fungos e outros microrganismos causadores de doenças graves como a criptococose, psitacose e salmonelose. Os seus ninhos também são conhecidos por albergar pragas como piolhos, ácaros e pulgas.
pombo

Pombo (Columbídeos)

 

Gaivotas (Larídeos)
A gaivota é um animal comum ao longo da costa portuguesa. É uma espécie omnívora que explora os afluentes urbanos e os desperdícios de pesca. Embora seja uma espécie basicamente marinha, só raramente é encontrada a explorar o alto mar, evitando voar fora do alcance visual da costa.

O período de nidificação das gaivotas tem o início em Portugal, em Março, com o início do acasalamento e nidificação. O ninho é construído normalmente no solo, mas como resposta a destruição dos seus habitats naturais já foi observada a nidificar em telhados, igrejas, pontes, etc. As primeiras posturas ocorrem a partir de fins de Abril, sendo normalmente postos três ovos.

 

gaivota

Gaivotas (Larídeos)

 

Pardais (Ploceídeos)
O pardal é uma ave que se encontra distribuída por todo o País, estimando-se que a sua população seja mais de um milhão de casais. O pardal é uma espécie omnívora e oportunista, como tal ocorre principalmente associada a habitações, quintas, herdades, também zonas agrícolas, jardins, espaços de lazer, espaços industriais e de armazenagem, onde possam existir detritos e desperdícios de alimentos.

 

pardal

Pardais (Ploceídeos)

 

Os pardais começam as primeiras posturas em Março. Utilizam estruturas construídas pelo homem para construir os ninhos como: candeeiros, postes de electricidade e telefone, casas telhados, etc. Por cada época de nidificação efectua cerca de 2 a 3 posturas, cada postura como 4 a 5 ovos.

 

aves-e1426690380628

Aves em edifício.

 

Partilhar isto:


 
Fale Connosco


Campos marcados com * são obrigatórios.